Principais fatores condicionantes da formação e implicações para uso de Cambissolos em São Desidério, Oeste da Bahia

  • Arianne de Souza Barbosa
  • Gisele Barbosa dos Santos
  • Edimar Souza Dias
  • Ervson da Silva Siqueira
  • Juliano Ramos da Silva
  • Vitória Dourado Barbosa

Resumo

Os cambissolos da região Oeste da Bahia são menos estudados do ponto de vista de sua gênese e manejo. Esta porção do estado da Bahia possui em sua maior extensão latossolos, que são mais estudados e conhecidos do que os cambisolos da região, tendo em vista tipo de agricultura aplicada nestes dois tipos de solos. É praticada, de forma geral, a agricultura familiar em áreas de cambissolos e o agronegócio associado aos latossolos. Assim, foi objetivo deste estudo caracterizar alguns atributos morfológicos, químicos e físicos em um perfil de cambissolo no município de São Desidério, a fim de fornecer subsídios para melhor entender a influência do relevo em sua gênese, além de informações sobre seu aproveitamento. Para tanto, baseado em mapeamentos regionais prévios, foi escolhido um perfil de solo para descrição morfológica, tendo sido suas amostras coletadas e analisadas em laboratório onde foram realizadas análise textural, densidade de partículas, teor de matéria orgânica e pH. Os fendilhamentos evidentes nos horizontes superficial e intermediário demonstram a importância da textura argilosa combinada à sazonalidade local, esta última responsável pela contração das argilas no período de estiagem. Tais características indicam alta fertilidade para este solo. No entanto, a presença de fendilhamentos pode influenciar negativamente a prática agrícola, além de potencializar processos erosivos sob chuvas torrentes.

Publicado
2018-08-14
Como Citar
BARBOSA, Arianne de Souza et al. Principais fatores condicionantes da formação e implicações para uso de Cambissolos em São Desidério, Oeste da Bahia. Revista Espinhaço | UFVJM, [S.l.], p. 2-10, aug. 2018. ISSN 2317-0611. Disponível em: <http://revistaespinhaco.com/index.php/journal/article/view/201>. Acesso em: 18 sep. 2018.
Seção
Artigos